Até onde você iria de bicicleta?

Olá amigos!

Fiquei admirada com a ousadia da galera do projeto “Saia do Sistema!” de botar o pé na estrada com a cara, a coragem e poesia no bolso para provar que é possível viver e ver o mundo de um modo diferente. Eles estão apenas começando, mas se propuseram a atravessar a América Latina de bicicleta mostrando como é a vida de (e que existem!) pessoas que, como eles, optaram por uma forma mais livre de se viver.

Não concordo com todas as linhas de pensamento do projeto mas penso que o simples fato de provocar uma reflexão sobre maneiras alternativas de (con)vivência e a tentativa de “enxergar a vida além dos valores financeiros” faz do projeto uma ideia, ou melhor, uma

Olha eles em Sta. Rita do Sapucaí, MG! Aqui pertinho, pena que não nos encontramos…

iniciativa maravilhosa. Porque eles não estarão apenas falando e discutindo, estarão vivendo, sentindo na pele e podendo relatar essa experiência para quem quiser acompanhar e estiver disposto a abrir a cabeça para um modo diferente de pensar.

Em um post anterior  eu falei sobre essa necessidade de mudarmos alguns conceitos. O significado de “sucesso”, “desenvolvimento” e outras certezas precisam ser revistos pois, não apenas o mundo mas a sociedade, estão dando sinais de que nossas verdades e paradigmas estão ficando ultrapassados e está mais do que na hora de mudá-los. É claro que não basta quebrar os cartões de crédito e botar fogo no paletó. Mudanças culturais exigem tempo, envolvimento e reflexão e é justamente isso que o Saia do Sistema!, o Essência Sustentável e tantos outros projetos alternativos vem propor.

De carona com Matt Trotamundo, Vanessa Correia e seus anjos da guarda espero que consigamos fazer com que mais pessoas saiam do sistema.

Abraços!

Acesse a página do facebook: Saia do Sistema!